domingo, novembro 20, 2011

Primeiro antes e depois

Hoje completou o primeiro mês de gastroplastia. Foi um mês de muitas conquistas e também de muita superação. Eliminei 14 quilos e me sinto feliz, mas também tenho consciência que estou no início de uma longa caminhada que exige muita dedicação e superação. Sonhar é acordar-se para dentro. Obrigada, Senhor!



quarta-feira, novembro 16, 2011

Calculando a porcentagem do peso eliminado

Vi este cálculo numa comunidade no Orkut, achei bem legal. 

Exemplo: operei com 88 quilos, após 7 meses estou com 57. 
Calculando a porcentagem :
57 (DIVIDIDO) POR 88 (MENOS) 1 = - 0,3522 ( despreze o sinal negativo)
ASSIM, PERDI 35% DO MEU PESO EM 7 MESES.



Não consigo comer... que ironia.


Situação mais irônica esta, não consigo comer. Estou com 25 dias de operada e sinto uma dificuldade enorme para comer. Tem dia que meu estômago está tranquilo, come quase tudo (de acordo com a dieta pastosa), mas na maioria dos dias simplesmente não consigo comer. Quando ele amanhece mais enjoado eu encontro dificuldade até nos líquidos.

As pessoas me dizem que é assim mesmo, que com o tempo vou me acostumar e eu me conforto com estas palavras. Eu sabia que passaria por estas dificuldades, espero que esta fase passe logo e meu estômago fique mais tranquilo e menos enjoado.

Cetose


Depois de 15 dias voltei na nutricionista, as coisas estavam um pouco difícil para mim. Eu não estava conseguindo acompanhar a evolução da dieta que deveria começar com a ingestão de 100ml, passar para 150ml e depois estacionar em 200ml. Mas os dias foram passando e eu só conseguia ingerir os 100ml. E como se não bastasse isso,  meu estômago não estava rejeitando os caldinhos, não conseguia ingerir-los, me deixavam enjoada por horas, me sentindo mal mesmo.

Foi visitar a nutri e mal me sentei comecei com as reclamações. Reclamei que estava com um terrível mau hálito, que estava envergonhadíssima, que não importava o quanto eu escovasse os dentes ou fosse cuidadosa ele estava lá, sempre presente me torturando. Reclamei que só conseguia ingerir  os 100ml, que demorava um tempão nisso e não estava conseguindo tomar os dois litros de água que ela recomendou diariamente. Também reclamei da urina que estava  escura e com um cheiro forte. 

Ela me escutou e me disse que eu estava num processo chamado cetose. Explicou que isso acontecia com alguns pacientes e que quando estamos neste processo o cheiro do nosso corpo fica mais forte, sentimos isso no hálito, na urina, na transpiração mas que eu deveria me esforçar mais para ingerir os dois litros de água e prescreveu suplementação.

Saí do consultório mais aliviada, e em poucos dias percebi que ela tinha razão, a suplementação e a água fizeram que estes sintomas desparecessem e meu hálito voltou ao normal, a urina também, Graças à Deus.