sexta-feira, maio 11, 2012

Gordinho simpatico, magro antipático


"- Fulano(a) era um(a) gordinho(a) tão simpático(a), agora que emagreceu ficou antipático(a)".

Vocês já escutaram este tipo de comentário alguma vez? Eu escutei várias vezes. O comentário era que eu mudaria muuuuuuuuito e que ficaria antipática e metida depois de emagrecer alguns quilos. Também me diziam que ia abandonar meu namorado e amigas. Que loucura! Eu só queria emagrecer, não queria me transformar em outra pessoa.

Agora que já emagreci um pouco eu tenho que desabafar, realmente mudei.  Tirei um fardo que pesava demais no meu coração. Deixei muitas neuras para trás (não todas) e hoje sinto que vivo as coisas de maneira muito mais espontânea, mais despreocupada e na verdade sinto que sou uma pessoa mais simpática agora.

É que quando olho para trás eu vejo uma pessoa cheia de nhé nhé nhé, sempre preocupada com tudo, encanada (porque a roupa não ficava legal ou porque não queria comer em público, ou com medo de me sentar a cadeira quebrar),  preocupada com o que as pessoas estavam pensando sobre meu peso, uma pessoa quase sempre pessimista e baixo astral.

Me olho agora e me vejo mais tranquila e acredito que apesar de ter mudado em alguns aspectos, no geral, continuo a mesma Raquel de sempre, só que numa versão menos aflita. Sinceramente, não sei se o fato de emagrecer pode mudar a essência de uma pessoa.

Acredito que algumas mudanças realmente acontecem, já que alguns medos vão embora e começamos a aprender mais sobre nós mesmo, sobre o que nos faz mal e o que nos faz bem. Mas mudar o que somos não.

Poucas pessoas próximas a mim são operadas ou emagreceram muito, só três no total. Tem meu irmão e uma prima, que continuaram basicamente iguais. E tem também um amigo muito querido que era super gordinho e que aperantemente não era encanado com peso. O cara era a alma e o centro das atenções em qualquer festa ou reunião. Bem humorado, inteligente, agradável e só para encurtar a lista das milhares de qualidades dele, um músico excepcional. Como estava bastante gordinho (180 quilos) e com muitos problemas de saúde,  optou pela cirurgia. Para resumir, emagreceu e ficou mais sério. Agora é taxado de antipático. Será que ele realmente ficou antipático? Ainda é o mesmo cara doce de sempre, só que mais sério. 

Por que será que as pessoas nos pré-julgam assim? Eu ainda não entendi a lógica da coisa, qual a relação entre emagrecer e se transformar num trambolho megalomaníaco? O fato de emagrecer significa que você está condenado a se transformar numa pessoa pior? Sei lá, me incomoda escutar isso, que vou me transformar num projeto de alma sebosa só porque vou perder peso. Acho isso muito preconceituoso e estúpido. Eu sou mais que isso. Emagrecer ou engordar não torna uma pessoa boa ou má, ninguém é um anjo de bondade porque é gordo, nem é ruim porque é magro.

E só para constar, eu ainda tenho os mesmos sonhos, as mesmas amigas, amo o mesmo homem e definitivamente me acho muito mais simpática hoje.
:P

17 comentários:

  1. nossa já tenho fama de antipática (não concordo) to lascada qdo emagrecer rsrs... eu tbm tinha 115 e agora c 3 meses eliminei 24 kg...bjs

    ResponderExcluir
  2. Heheh só vc mesmo figura, projeto de alma sebosa e trambolho megalomaníaco, só a tite pra inventar esses termos...Ah, apesar de você ter sumido, você tá mais alegre e menos aflita mesmo, continue assim, bjocas...

    ResponderExcluir
  3. pois é amiga, nós quando estamos acima do peso, querendo ou não temos uma baixa autoestima que muda nosso comportamento. Queremos agradar a todos, ficamos preocupados com roupa e o que as pessoas vão achar. Quando perdemos e nos sentimos bem conosco mesmo tudo isso some, é como tirar um peso das costas. Não tem como vc não mudar sua personalidade, nem que seja um pouquinho né?
    Flor, adorei o post de hoje! Tenha um bom final de semana
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. adorei esse post!
    as pessoas são muito preconceituosas e sempre vão achar um defeitinho pra desmerecer agente.a vida é assim.seja gorda ou magra.mas eu concordo contigo acho q a mudança só acontece se agente quiser...

    ResponderExcluir
  5. Amei o post, na minha opinião ficamos muito mais felizes e esta felicidade nem sempre agrada a todos, mas continuamos com a mesma personalidade, o que muda é a nossa maneira de lidar com as coisas nos amando e nos colocando em primeiro lugar, mas quem nos conhece verdadeiramente e nos ama, não vai sofrer com essa pequena diferença. Beijos

    ResponderExcluir
  6. Oi, tbm adorei o post Raquel.
    Eu acho que mudança de personalidade é um pouco forte, as pessoas tem uma mania ruim de querer fazer julgamentos demais e colocar esteriótipo para tudo. Acredito que quando sofremos com algo que nos faz achar que somos de uma certa forma "menos" que os outros "normais" acabamos criando outras maneiras de agradar e quando resolvemos esses prolemas dentro de nós acabamos mudando de postura sim. Mais tbm tem aquele fato de que somos todos diferentes q cada um reage de forma diferente para cada situação.

    Eu penso que não mudarei muito, espero consiguir me livras de algumas neuras e desconfortos.
    Muitos bjs adoro seu blog

    ResponderExcluir
  7. Oi Raquel, tudo bem? Nossa adorei seu post, algumas pessoas já me falaram isso, mas eu acho que na verdade quando emagrecemos, mostramos quem nós realmente somos, pois não temos mais que criar situações para sermos notadas e respeitadas, não estamos mais escondidas atrás da capa da gordura, muitas vezes os gordinhos são simpáticos e engraçados justamente para ter amigos e cia, coisa que um magro teria apenas por ser magro, então acho que a pessoa começa a se questionar se realmente é assim ou não.
    Não acredito que uma pessoa fique má ou arrogante porque emagreceu, mas acredito sim que com a auto-estima melhorada ela perceba que não precisa mais ser o palhaço da turma para ter amigos. Bjão e ótimo fds

    ResponderExcluir
  8. oi Raquell!
    li várias postagens aqui do seu blogue e achei tudo muito divertido, reflexivo e vc escreve tão bem que nem dá vontade de parar de ler!
    tô te seguindo!
    quando tiver um tempinho, dá uma passada no meu blog Violoncela :)

    beijossss

    ResponderExcluir
  9. Eu emagreci quase 15 kg e continuo com as mesmas oscilações de humor de sempre... rs.
    BJs.

    ResponderExcluir
  10. Oi linda, mudamos fisicamente e consequentemente algumas coisas mudam também não digo a indole a essencia, mais as vezes não precisamos nos fazer notar, ser sempre "legal" para não sermos o motivo das piadas, nos libertamos da culpa, ficamos mais seguros, ac chaveho que esse é o ponto chave, não estavam acostumados com a gente seguro, dono de si e felizes de verdade... beijos , adorei o questionamento.

    ResponderExcluir
  11. Oi Raquel ...
    Acabei de conhecer o seu blog ...
    Acredito que as pessoas que são próximas da gente sempre vão querer ver a gente bem né ?! O efeito sanfona minha vida ... já me deixou magra duas vezes ... É nesses dois períodos que fiquei magra sempre fui eu mesma, creio eu ... Acho que quando passou uma vida toda gorda(o)pode ter abafado várias coisas da sua personalidade. Coisas boas e coisas más ... porque ninguém é 100% Boa ou ruim ... temos qualidades e defeitos :) Enfim, que vc consiga mostrar para seus amigos e as outras pessoas em sua volta o melhor de vc ... sempre ...
    bjs dri

    ResponderExcluir
  12. Oi Raquel, já comentei nesse post, mas vim agradecer a visitinha e comentário no meu blog, muito obrigada!! Como disse por lá, as visitas e recados me alegram muito mesmo!! beijos e ótima semana pra vc

    ResponderExcluir
  13. Adorei! Vou colocar a imagem lá no meu blog e colocar o link para cá!

    ResponderExcluir
  14. Acho que o gordo muitas vezes se esforça demais para ser aceito...
    Aí quando emagrece nota que não precisa ser o mais simpático para ser aceito....
    Agora, eu sempre tive fama de ter carinha de metida.... Avalie magra e poderosa (e humilde kkkkk), que gera inveja... lascou...
    beijão

    ResponderExcluir
  15. Verdade! E acho que essa história de gordinho simpático e engraçado, muitas vezes é para ser aceito...claro que tem exceções...eu tb me acho a mesma, só que muito mais felizzz!!! rssrs

    ResponderExcluir
  16. sabe, é bem esse medo q eu tenho...
    de ficar séria!
    sou muito querida pelos meus amigos, eles adoram estar comigo, dizem que se sentem bem, minhas colegas disseram que a aula vai ficar bem sem graça sem mim durante esse mes...

    tenho medo de perder a graça hehehe

    quem sabe eu me mascare por trás dessa minha simpatia... ehehehehehe

    beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vai ficar mais séria nada Etiane, vai ficar mais alegre, mais simpática. Eu acho que fiquei mais simpática, bricalhona depois. Antes eu era um complexo ambulante, rsrs.

      Excluir