terça-feira, março 06, 2012

Uni duni tê, o escolhido foi você


Essa semana tive que decidir qual contraceptivo vou usar a partir de agora. A minha menstruação está precisando de uma regulada, o fluxo anda fora do normal e durando mais de 7 dias. Estava um pouco inquieta porque havia escutado um montão de coisas sobre a pílula (que não funciona mais depois da cirurgia) e a injeção (que engorda). Confusa até não poder mais e com plena consciência de3 que uma gravidez agora me traria sérias consequências, fui investigar. Achei no site da Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica a resposta a minha dúvida: "É aconselhado que se evite o uso do anticoncepcional oral nos dois primeiros anos após a cirurgia bariátrica. A distribuição de hormônios fica comprometida nesse período e, por isso, esse método deixar de ser eficaz."

Então procurei o meu médico e falei com ele, não só sobre isso mas também sobre o fato que havia feito a cirurgia com o objetivo de eliminar o excesso de peso, e além de evitar uma gravidez não planejada eu não queria engordar ou parar de emagrecer. Então ele me prescreveu um contraceptivo em adesivo de uso semanal. A caixa vem com 3 adesivos anticoncepcionais e seu uso é muito simples. A cada semana você troca um adesivo, se no final da terceira semana você decidir que não quer menstruar você segue com o uso do adesivo na quarta semana. Se você optar por menstruar você deixa de usar o adesivo por uma semana, voltando a usá-lo na semana subsequente.
O problema desde adesivo é que ele é caro, custa em torno de 55 reais, além de só ter eficácia total em pacientes com menos de 90 quilos. A favor dele tem o fato que ele não retém líquidos e o seu emagrecimento não fica comprometido.

Pesando os prós e contras eu me decidi por ele porque o injetável me deixou com medo de engordar, a pílula foi descartada, e só camisinha eu não confio. Vou tentar este e ver como meu corpo vai se adaptar.

13 comentários:

  1. Oie...tudo bem?
    Visitei o seu cantinho e achei tão meiguinho!!!
    Vai lá no meu também...
    Estou te seguindo...
    Bjs...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ana! Fui no seu blog, estou te seguindo também. Uma beijoca.

      Excluir
  2. Meu ginecologista me passou um oral mesmo e me disse que assim que emagrecer posso ir para o adesivo. Ele afirmou que o problema está apenas na absorção de vitaminas e não de remédios, por isso tomamos as vitmaninas e remédios pós cirurgia via oral. Estou tomando o Siblima. bj

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Kelly, é por isso que eu estava tão confusa, alguns médicos dizem que pode usar, outros que é melhor evitar e não sabia o que fazer. Vamos ver como vou me adaptar ao adesivo. Beijoca.

      Excluir
  3. Tive que trocar o endereço do meu blog agora é: http://gastroplastiadakelly.blogspot.com , te espero lá, bj

    ResponderExcluir
  4. Eu já usava DIU antes de operar mais tenho que confessar o fluxo aumentou um pouco e fico meio encucada pq ja perdemos tantos nutrientes e ainda ficar perdendo sangue e muito.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então, estou passando pelo mesmo problema. São muitos dias de sangramento intenso e isso me incomoda muito. Beijoca.

      Excluir
  5. Oi Raquell, tudo bem?

    Bom,achei seu blog e quero convidar você para fazer uma pesquisa, eu fiz Cirurgia Bariátrica e hoje sou estudante de nutrição... Fiz Um Projeto científico e estou estudando o DUMPING e INTOLERÂNCIA ALIMENTAR.. se você nunca ouviu falar disso, também está convidada a responder minha pesquisa (hehe)...

    Por favor, me ajude... tenho certeza que essa pesquisa irá ajudar muitos...

    é só colocar esse LINK no seu navegador:

    http://www.pesquisabariatrica.comuf.com/

    Não se preocupe que não é virus...

    bjinhos

    ResponderExcluir