sexta-feira, abril 13, 2012

Gordinha do outro lado espelho

Do outro lado espelho
Eu me olhava e via aquilo que todos viam e também via o que muitos fingiam não ver. Eu senti  a desilusão de ser vista e tratada só como um corpo.
Do outro lado do espelho
Enxerguei só o meu corpo e me esqueci que a Raquel tem um corpo e que ela também é mais que isso.
Do outro lado do espelho
Eu sofri e chorei porque me deixei convencer de que o eu via refletido dizia tudo sobre mim.
Do outro lado do espelho
A escuridão me acompanhou por muito tempo porque me traí esquecendo a minha essência.
Do outro lado do espelho
Percorri um longo caminho para redescobrir quem eu sou.
Do outro lado do espelho
Eu descobri que o espelho pode me dizer muitas coisas, mas ele nunca poderá dizer tudo sobre mim porque ele não reflete quem eu sou.
Do outro lado do espelho
Eu tive um reencontro e este reencontro foi a melhor coisa que aconteceu na minha vida.
Do outro lado do espelho
Mais uma vez me olho, mas agora tenho a certeza que não sou só meu corpo, sou mais, muito mais e não importa o corpo que eu tenha a minha essência é que me guia.

3 comentários:

  1. Quel,
    que lindoooo!!!
    Quantas vezes pensamos que o espelho reflete a inteireza do nosso ser e sofremos com isso...
    Somos tão mais do que aparentamos...
    Lindo desabafo!
    Beijosssssssss

    ResponderExcluir
  2. Perfeito...O texto mostra realmente como nós nos sentimos quando somos prisioneiras de dezenas de quilos a mais, quando já não nos amamos mais e acreditamos que a vida se resume a um mundinho bem meia boca. Amei o seu blog e também estou nessa luta.Beijos

    ResponderExcluir